Estudantes das redes municipais do estado de São Paulo iniciam avaliação de fluência leitora subsidiadas pela Secretaria da Educação do Estado

Escolas das redes municipais iniciaram nesta segunda-feira (18) a Avaliação de Fluência Leitora 2021 subsidiada integralmente pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP). No total, 511 cidades (confira lista aqui: https://bit.ly/3lPEVto ) confirmaram adesão, via Secretaria Escolar Digital (SED), da avaliação que ocorre de forma presencial até 29 de outubro.

Focada em estudantes do 2º ano do ensino fundamental, a ação busca analisar o desempenho individual na leitura e compreensão de textos escritos para diagnosticar eventuais lacunas em todo o processo de alfabetização durante o período de pandemia.

Durante o processo, os professores vão gravar a leitura pelo celular, pelo aplicativo exclusivo do CAEd (Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação), que também disponibilizará os cadernos de provas para impressão na plataforma online. Depois, os áudios serão avaliados para que haja um diagnóstico preciso sobre o perfil leitor dos estudantes.

Além dos professores do 2º ano do ensino fundamental, o teste também pode ser aplicado, se necessário, por demais docentes dos anos iniciais (1º ao 5º ano) e outros profissionais da equipe pedagógica aptos a lidar com estudantes desta faixa etária. “É um exercício importante, pois vamos ter um panorama mais claro sobre a capacidade de fluidez e ritmo dos estudantes”, resume o Secretário da Educação do Estado, Rossieli Soares.

Para Ana Paula, Secretária de Educação Municipal de Juquiá, da região de Miracatu, a avaliação chega para colaborar no processo de aprendizagem. “Tivemos e ainda estamos passando por um período de grandes desafios para a educação. É uma avaliação de extrema relevância para que todos possamos ter um parâmetro real do que as nossas crianças aprenderam. Do que foi possível elas construírem neste período de um ano de ensino remoto. Os resultados nos trarão condições para desenvolver planejamentos estratégicos para amenizar esse prejuízo e focar nas dificuldades reais dos estudantes. Agradeço e parabenizo a Secretaria da Educação do Estado pela iniciativa, que colabora na garantia de uma educação melhor estruturada e de mais qualidade”, analisa.

Mais informações podem ser obtidas na Diretoria de Ensino ou nos canais de dúvidas do CAEd:  (acesse aqui)

The post Estudantes das redes municipais do estado de São Paulo iniciam avaliação de fluência leitora subsidiadas pela Secretaria da Educação do Estado appeared first on Secretaria da Educação do Estado de São Paulo.

Leave a Comment